Buscar
  • Equipa Clínica Navegantes

Educar sem Culpa


A educação é certo tem alguns momento menos bons, muitas dúvidas, receios, contradições, frustrações e inevitavelmente erros, afinal somos todos imperfeitos e não temos para esta profissão de Pais nenhum estágio. A verdade é que os Pais aprendem quase tudo no terreno, a viver, a experimentar, a errar e claro a acertar.


Não há Pais perfeitos, nem filhos, nem pessoas, sim, somos imperfeitos, não há dúvidas e por isso mesmo não vale a pena que Pais tentem aos olhos dos filhos parecer perfeitos, a educação supõe a verdade. Para além disso, para os filhos que olhem os Pais como perfeitos parece não haver margem e espaço para eles próprios errarem.


Na verdade, os Pais fazem e dão todos os dias o seu melhor, o melhor que sabem, o melhor que podem e claro que erram, provavelmente todos os dias, afinal não nos acontece a todos. A culpa, essa é escusada gera passividade, inseguranças excessivas, cria remorsos, perda de controlo.


Mas ser Pais, Pai, Mãe, não esgota a pessoa que cada um é, somos amigos, profissionais, filhos, irmãos, ou seja, desempenhamos outros papéis na vida. É preciso também que os Pais invistam nestes papéis, tenham tempo para si. É preciso que os Pais se permitam ter tempo para ser Pessoas que cuidem de si para cuidar melhor dos Outros, dos filhos.


Nesta profissão de Pais contamos com valiosas parcerias, afinal os Pais também precisam de ajuda e é preciso que reconheçam que a têm ou que a podem procurar e que estas ajudas são imperiosas. A família, os avós, importantes alicerces e parceiros, as escolas com os seus Educadores e Professores, os profissionais de saúde, afinal Educar supõe também um trabalho de parceria.


Neste tempo excecional em que vivemos, com muitos Pais em Teletrabalho, outros a regressar aos seus locais de trabalho é preciso que todos tenhamos consciência de que nem tudo o que planemos, pode acontecer exatamente assim, é preciso flexibilizar, ajustar expetativas e ter objetivos realistas. Não é possível muitas vezes sermos eficientes nas múltiplas exigências deste tempo, com teletrabalho, escola virtual acrescido às tarefas normais inerentes à rotina e vida quotidiana das famílias. É essencial nivelar a pressão que os Pais colocam sobre si próprios e que muitas vezes é transmitida também para os filhos.


Na verdade, os filhos não exigem pais perfeitos!


Os Pais são imperfeitos, erram, é verdade, precisam de apoio, sem dúvida, mas fazem e dão o seu melhor, todos os dias e por isso culpa, para quê?


Sónia Serrão - Psicóloga Clínica

Coordenadora Clínica Navegantes

24 visualizações

©  by Saúde Capital - Clínica Navegantes 

Av. de Moçambique nº4 A 2780-240 Oeiras

Tel: 214  412 533 |  967 664  862

  • Facebook ícone social
  • YouTube ícone social
  • Instagram ícone social
Logo sem fundo.png